25/05/2020

Wilson Sons recebe equipamentos feitos pela ZPMC, subsidiária da CCCC, no porto Tecon Salvador

Na última quarta-feira, dia 13 de maio, a Wilson Sons recebeu no Tecon Salvador três portêineres e cinco pórticos RTG – guindastes utilizados para descarga ou embarque de contêineres em navios e para movimentação desses contêineres na área do porto, respectivamente. Os equipamentos foram produzidos pela ZPMC, subsidiária da CCCC que é a maior fabricante de guindastes portuários do mundo, e serão instalados na nova área do porto a partir da semana que vem.

Em setembro de 2018, a Wilson Sons – maior operador integrado de logística portuária e marítima do Brasil – iniciou a primeira etapa da expansão da unidade de negócio. Terminal privado do Porto de Salvador, o Tecon fica situado na ponta de uma península que separa a Baía de Todos os Santos do oceano Atlântico. A Concremat é a responsável pelo gerenciamento das obras.

Com investimento previsto na ordem de aproximadamente R$ 443 milhões, a primeira fase da obra englobou a construção de um novo cais linear com 423m de comprimento, totalizando 800m após a expansão, e capacidade de carga de 65 toneladas por vez. Os serviços incluíram nivelamento e pavimentação de 30.100 m² de retro área, dragagem de 106.270m³ e construção de uma subestação abrigada de 69 KV, além da aquisição dos portêineres e pórticos RTG. Os equipamentos permitem um içamento dos contêineres a uma altura de 51 metros.

Apesar de toda a crise mundial devido à pandemia da COVID-19, o grupo China Communications Construction Company (CCCC) e suas mais de 60 subsidiárias vêm buscando manter suas operações ao redor do globo, adotando os procedimentos de higiene, saúde e segurança estipulados pelas autoridades internacionais e locais de saúde, com o objetivo de honrar os compromissos com seus clientes.

“Continuamos nos esforçando para garantir a produção e a entrega de projetos no exterior, incluindo aqueles no Brasil, utilizando nossos equipamentos e tecnologia para promover a eficiência dos portos brasileiros e impulsionar as relações comerciais e econômicas entre Brasil e China, bem como promover apoio e garantia de desenvolvimento globalizado dos portos e do comércios internacional”, afirma Liu Qizhong, vice-presidente da ZPMC.

Eduardo Viegas, vice-presidente de Desenvolvimento de Negócios e Marketing da Concremat, ressalta que a expansão do Tecon Salvador é de grande importância para o setor portuário no Brasil: “A Concremat tem grande satisfação por participar desse empreendimento, gerando valor para o cliente ao desempenhar o planejamento e o gerenciamento das obras. A presença de duas subsidiárias da CCCC no projeto demonstra a força do grupo chinês no setor portuário”.

Clique aqui para assistir ao vídeo que registra a chegada dos equipamentos.